quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

POLÊMICA - "Raimundo" de Bom Sucesso fala em município quebrado

O novo prefeito exonerou cinquenta servidores concursados, cargos comissionados e adotou outras medidas para pagar a dívida de mais de três milhões 
  O jovem prefeito Raimundo Severiano de Almeida Junior, de 34 anos, o "Raimundinho" do PSDB, falou ao vivo ao radialista Ronaldo Alves Senes, o "Berimbau", da Rádio Nova Era, neste dia 05 de janeiro, de 2017. A conversa foi para revelar os primeiros detalhes da "herança maldita" que o novo prefeito recebeu, deixada pelo ex-prefeito Maurício de Castro, o "Ná do Açougue". "Eu posso dizer, sem sobra de dúvidas, que o município está quebrado. A dívida é de R$3.370.000,00 (Três milhões e trezentos e setenta mil reais), os maquinários estão no estaleiro, a prefeitura está abarrotada de servidores, enfim, a situação é crítica", disse Raimundinho.  Ele também afirmou que mais de 50 servidores contratados, por meio de um concurso público foram exonerados. O motivo é que o ex-prefeito contratou dentro do período eleitoral, prática vedada pela lei, mas que após o controle dos gastos, eles serão, aos poucos, chamados novamente.  O levantamento aponta ainda que a arrecadação de Bom Sucesso é de  1,5 milhão, mas somente a obrigação com servidores (Folha de pagamento), chega a uma conta fixa mensal de 1,1 milhão, totalizando 56%  do que se arrecada, por tanto, acima do que permite a lei de responsabilidade fiscal, inclusive a dívida de 3.3 milhões, tem 812 mil oriundos de pagamento de funcionários. Além de demitir os concursados, Raimundinho ainda exonerou cargos de confiança que não foram desligado do poder público pela ex-administração, o que gerou  acertos trabalhistas agravando a crise.  "Com muita dor no meu coração estou tomando medidas amargas, mas isto nos dará o controle das contas para que no futuro possamos implantar nosso jeito de administrar com geração de emprego e prioridades em setores como saúde; educação, agricultura, habitação, comércio, esporte e assistência social", disse o prefeito.   "São ajustes impopulares, mas a prefeitura de Bom Sucesso, a partir de hoje, pagará em dia e não terá mais nome de caloteira", finalizou o prefeito. A  nova equipe afirmou que vai encaminhar as supostas irregularidades para o Tribunal de Contas e Ministério Público, a fim de que as devidas responsabilizações sejam apontadas e apuradas. RESPOSTA - Assessores do prefeito "Ná do Açougue", negaram as irregularidades, mas nossa reportagem não conseguiu falar diretamente com o ex-prefeito.   Para saber mais detalhes das declarações polêmicas de Raimundinho, ouça a entrevista no link de vídeo.  (Foto da posse de Leonan Brasileiro)

Um comentário:

  1. Meu deus a prefeitura nesta feia mesmo com novo prefeito as coisas vai melhor eu confio nesse rappaz

    ResponderExcluir